sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Pura como a névoa




Ri Ro Ewa,
A névoa a me tocar.
Ri Ro Ewa,
Venha me acalentar.

Sua sensibilidade sutil é notável.
Indiscreta, dócil e de encantadora beleza.
As mãos de uma menina adorável,
Me tocam e me alucina a cabeça.

Dona de si, ninguém lhe diz não.
Falastrona, ela é quem dita as regras.
Deixa-me uns metros fora do chão.
Junto a ela não temo nem às trevas.

Possui o vigor da acalorada juventude,
Alegria, carisma e ternura.
Com ela meu amor encontra a plenitude.
Seu sorriso afasta-me da nefasta amargura.

Passaria eternidade ouvindo sua voz de menina,
Suas tenras palavras no meu corpo a vagar.Quando você canta à Lua ilumina,Me faz também menino, louco para te amar.

Ri Ro Ewa,
A névoa a me tocar.
Ri Ro Ewa,
Venha me acalentar.

5 comentários: