domingo, 24 de abril de 2016

O não-amor existe?





Tem gente perdendo a crença no amor.
Tem autores que declaram ele não mais haver.
Como um misto de sofrimento e dor, seja lá o que for.
Quase sempre tira até a vontade de viver.

Amor e dor? Seria um contrassenso!
Sim, para aqueles que nunca amaram.
Há os que já viveram algo intenso,
E ainda assim se machucaram.

O amor é! Ele é um estado.
Não foi criado, nunca terá fim.
Todos os dias deve ser procurado.
E sancionado por anjos querubins.

3 comentários: