terça-feira, 24 de novembro de 2015

Só o conselho...


Não posso lhe responder.
Nem ao menos consigo te entender.
O que tu pensas?
E o que lamentas?

Remorsos?
Escusos negócios?

Estou farto das merdas que fazes.
Por ti não poderei jogar minha liberdade no lixo.
Não sou eu que te livro de todos os azares.
Por mim viverias como um bicho.

Cruel, eu?
Olha o que fazes contigo!
Isso foi tudo o que você mereceu.
Nem um cão lhe quer como amigo.

Siga o lado bom da vida.
Na lama, não te afundes mais,
Largue desse mal: a droga, a bebida.
Erga-se, busque em ti a paz.

Esse teu mundinho cinza, vai florir.
Saibas que a natureza conspira a favor!
Verás como é bom sorrir,
E também ter um grande amor.

2 comentários:

  1. Agora estou conseguindo sorrir, larguei o cinza do mundo que eu vivia. E agora voltei a florir, sorrir e tbm colorir!!

    ResponderExcluir